Amor: o único sentimento que nunca muda

image

     Minha frase preferida ao falar de amor sempre foi “o amor é o único sentimento que nunca muda”, e sempre acreditei muito no poder da mesma.

     Por que eu acho isso? Fácil! Você já amou alguém? Aposto que sim! E o que aconteceu quando a pessoa que você ama te machucou? Bem, você pode ter ficado louca de raiva, pode até ter naquele momento desgostado muito a pessoa, se você for mais radical pode até odia-la um pouquinho. Mas o amor? Ah, o amor! Ele nunca muda. Por mais machucada que você estiver isso não anula o amor.

     E isso serve pra tudo, se  encaixa nos namoros, nas amizades, na família.

     Pensando em todos os antigos relacionamentos podemos ver, mesmo quando a gente quer odiar a pessoa, quer nunca mais ver, quer não pensar mais nela. Sempre uma faísca do sentimento do amor continua lá. O amor pode diminuir de intensidade mas ele nunca muda, amor nunca vira ódio, amor nunca some. O amor ta sempre ali escondidinho te provando que aquela pessoa pra sempre vai mexer com você.

     Se você esqueceu, se você não ama mais, não se iluda meu bem: não era amor!

M.S.B.

Anúncios

9 comentários sobre “Amor: o único sentimento que nunca muda

  1. Lindo texto , ”O amor ta sempre ali escondidinho te provando que aquela pessoa pra sempre vai mexer com você ” essa frase é muito verdade , tiro por mim , ás vezes tento ficar com raiva ou rancor do meu marido ,por algo que ele fez ou deixou de fazer , mais sempre esse sentimento some por que eu o amo e ele por mais que eu tente não vou conseguir odiá-lo , rs ! amei o blog ❤ beijos beijos

    http://www.cheiadeinvencao.com

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s